Bem me quer, mau me quer

Voltar menu poesias

Bem me quer, mau me quer

Sou flor desabrochada
de miolo amarelinho com
poucas folhas
e sem espinhos.

Muito branca e delicada
sou arrancada do meu jardim,
retiram minhas pétalas...
para brincar assim:

Bem me quer,
mal me quer
até o fim.

Se mal te quero,
se bem te quero,
não importa.

Sou margarida
despetalada
agora estou morta.

Leni Martins

 

Envie este poema!

Voltar menu de poesias

 

Página Inicial







Nocopy total

Clique com o botal direito e tecle alguma letra !!

Obs.: Desabilita tecla e mouse.

 


http://www.felipewd.kit.net/