Voltar à página inicial

Voltar ao menu de Poemas Góticos

Entre o amor e o ódio


Entre o amor e o ódio
meu mórbido ser,
desfalecido e quase morto,
ainda luta pra viver

Metade luz,
a outra escuridão,
unidas em um só corpo,
em um mesmo coração.

Vida e morte...
Que guerrilham pra vencer,
O amor pela esperança,
O ódio é pra esquecer.

Se misturassem as duas partes,
uma sombra nasceria
e a paz tão esperada finalmente
eu encontraria.

Leni Martins 10/03/08

Envie este poema!  

Voltar ao menu de Poemas Góticos



Voltar a página Inicial


PageRank












 

 





 

Nocopy total

Clique com o botal direito e tecle alguma letra !!

Obs.: Desabilita tecla e mouse.

 


http://www.felipewd.kit.net/