Procure-me

Procure-me

Procure-me, entre os espaços vazios,
em noites mudas e surdas,
onde vagam meus pensamentos,
no silêncio da lacuna.

Encontre-me na linha do tempo,
onde fecho meus olhos para realidade,
nascendo para os sonhos, que me conduzem
a insanidade.

Procure-me nos cantos,
onde me escondo das verdades,
coberta por um manto de versos,
descrevendo minhas vontades.

Encontre-me no escuro do seu medo,
deslizando entre os seus vazios...
e os seus segredos.

Leni Martins

10/09/07

 

Envie este poema!


Voltar menu de poesias

 

Página inicial




PageRank




Nocopy total

Clique com o botal direito e tecle alguma letra !!

Obs.: Desabilita tecla e mouse.

 


http://www.felipewd.kit.net/